"Você ora quando está aflito ou precisa de algo; mas também poderia orar na plenitude de sua alegria e em seus dias de abundância." Khalil Gibran

"Eu amarei a luz porque me mostra o caminho, mas eu vou suportar a escuridão porque me mostra as estrelas" Og Mandino

quarta-feira, 28 de março de 2012

Psicóloga Cristã - Marisa Lobo, pode ser punida por falar de Deus nas redes sociais


- Por Marcos Melo -
No último dia 20 de Março, a psicóloga Marisa Lobo recebeu uma notificação do Conselho Regional de Psicologia (CRP) comunicando que um processo disciplinar foi instaurado contra ela. O motivo: se negar a retirar de suas redes sociais frases que falem de Deus, pois (de acordo com o CRP) esta prática religiosa viola um princípio do código de ética da profissão.
Uma das acusações atribuídas a psicóloga cristã é de utilizar a bíblia como ferramenta didática na orientação psicológica, o que é contundentemente negado por ela. “A questão é cadê a prova que uso religião no meu consultório? É perseguição!”, protestou Marisa em seu Twitter.
A todo instante a psicóloga se mostrou inconformada por ser alvo de uma investigação que, segundo ela, não passa de uma perseguição religiosa para tentar neutralizar o crescimento dos evangélicos nas diferentes esferas sociais.
Um dos argumentos utilizados contra ela é o fato da mesma ter um site chamado “PSICOLOGIA CRISTÔ, o que poderia caracterizar a inserção de valores religiosos na prática profissional. Mas a questão é muito mais complexa, pois “há mais de 30 anos existem práticas espíritas inseridas no tratamento psicológico, como o trabalho de regressão” (adotado pelo espiristismo), de acordo com Marisa Lobo.
Entenda melhor o caso; assista ao vídeo com o desabafo da psicóloga cristã:

Para Refletir: A Busca da Verdade



O primeiro passo na busca pela verdade não é a resolução moral de evitar o hábito das pequenas mentiras - por mais que isso seja pouco atraente e um desfiguramento do caráter. Não é a decisão de parar de enganar as pessoas: é a decisão de parar de enganar a nós mesmos. A menos que tenhamos a mesma paixão inexorável pela verdade que Jesus exibiu no templo, estamos minando a nossa fé, traindo o Senhor e enganando a nós mesmos. O auto-engano é o inimigo da integridade porque impede que nos vejamos como realmente somos. Encobre nossa falta de crescimento no Espírito daquele que é a Verdade e impede que aceitemos nossas personalidades reais.

"Até quando os profetas continuarão a profetizar mentiras e as ilusões de suas próprias mentes?"
Jeremias 23,26

Extraído do livro "Meditações para Maltrapilhos" Brennan Manning p.97

terça-feira, 27 de março de 2012

Não toqueis nos meus ungidos





É o uso de um texto com o pretexto para abuso espiritual...
Desde tempos imemoriais a "classe sacerdotal" tentou explorar os medos dos outros, sugerindo que eles são especialmente escolhido (ou "ungidos") por Deus como autoridades. Vemos evidências desta ao longo da história - começando com Babilônia antiga (Babilônia) e permutando toda a pletora de grandes religiões do mundo hoje existente.

No cristianismo protestante, e em particular no chamado "movimento carismático", muitas vezes há uma falta de hierarquia bem definida (ou seja, uma "classe sacerdotal"), mas o mantra "Não toqueis nos meus ungidos" às vezes é citado por auto-proclamados líderes, como forma de manter o controle sobre os membros da assembléia. Em outras palavras, esta frase é interpretada (por eles) como "Eu não estou a ser criticado, desde que eu sou um dos mais ungidos de Deus!"

Mas será que a Escritura realmente implica isso, ou isso é um caso de abuso o significado claro da Palavra de Deus, a fim de manipular os outros?
Não toqueis nos meus ungidos, os meus profetas não façais mal! 
(1 Crônicas 16:22)

Em primeiro lugar esta frase é na verdade um verso de uma canção de Asafe embutido na conta do retorno da (arca) para o (tenda) tal como consta em Crônicas. Precisamos começar com isso como uma compreensão do tipo de literatura que estamos lendo. Compare o Salmo 105:15. 

Em segundo lugar, a passagem em questão não se refere a profetas do Senhor, no sentido Nova Aliança, mas aos patriarcas original - e é mais provável uma referência direta a quando Abimeleque foi repreendido pelo Senhor em sonho para não tocar Sarah (ver Gênesis 20:02-ss). 

Em terceiro lugar, citando este verso como um meio de justificar qualquer tipo de direito especial para si mesmo (ou outros) inteiramente perde o ponto dos ensinamentos do sobre "liderança servidora":

Quem quiser ser o primeiro entre vós deve ser escravo de todos. 
(Marcos 10:44)

Você quer um "título"? Como cerca de servo O servo do Senhor, é ser humilde, disposto a suportar o rebanho do Senhor com ternura e compaixão. Ele (ou ela) não é para ser "como os gentios" que tomam o poder, a fim de "dominar" sobre os outros:

Os reis das nações exercem domínio sobre elas, e aqueles que têm autoridade sobre elas são chamados benfeitores. Mas não é assim com você. Em vez disso, deixe-o maior entre vós seja como o menor, e o líder como aquele que serve. (Lucas 22:25-6)

Pois quem se exalta será humilhado, 
e quem se humilha será exaltado. (Lucas 14:11)

Claro que pode haver casos em que um pastor ou professor precisa exercer seu papel dado por Deus como uma autoridade, embora este seja normalmente em resposta àqueles que têm persistentemente agido de forma contrária à sã doutrina e que buscam incitar rebelião em outros. O apóstolo Paulo fornece diretrizes para essa disciplina em algumas de suas letras. Mas sempre que alguém afirma que eles são "ungido" e não deve ser questionada, as bandeiras vermelhas deve começar acenando e você deve estar na sua guarda espiritual.

Quem é sábio e entendido entre vós? Por sua boa conduta deixá-lo mostrar suas obras em mansidão de sabedoria. Mas, se tendes amargo ciúme e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, ser falsa a verdade. Esta não é a sabedoria que vem de cima para baixo, mas é terrena, não espiritual, demoníaca. Porque onde há inveja e espírito faccioso, haverá desordem e toda prática vil. Mas a sabedoria do alto é, primeiramente pura, depois pacífica, moderada, aberto à razão, cheia de misericórdia e de bons frutos, imparcial e sincera. E uma colheita de justiça é semeado na paz para aqueles que promovem a paz. (Tiago 3:13-18).


Fonte: Hebraico para os cristãos
Copyright © John J. Parsons
http://www.hebrew4christians.com/

segunda-feira, 26 de março de 2012

O uso do vinho na santa ceia



A Sessão da Michiana Covenant Church sustenta que o uso do vinho na Santa Ceia, tendo sido instituído por Cristo, é conveniente e apropriado. O uso de suco de uva, embora não seja pecaminoso, desvia-se da prática bíblica. Em suporte da nossa posição, oferecemos as seguintes considerações:

Amor Inquebrantável: Diretrizes divina para os maridos



Para um marido amar a esposa como Cristo ama sua Igreja, deve amá-la com um amor inesgotável. Nesta conotação de Gênesis 2.24, Paulo enfatiza a constância, bem como a unidade do casamento: “Eis por que deixará o homem a seu pai e a sua mãe e se unirá à sua mulher, e se tornarão os dois uma só carne” (Ef 5.31). O padrão de Deus para o casamento não mudou.

sexta-feira, 23 de março de 2012

Reportagem do SBT mostra atuação da igreja Batista na Cracolândia


O jornalismo do SBT preparou uma série de reportagens sobre a Cracolândia após ações para "limpar" a região, que fica localizado no centro da cidade de São Paulo.
A última reportagem da série retratou pessoas que perderam toda sua vida para o vício do crack e que tentam diariamente se livrar da droga. 
Na matéria a equipe exaltou o trabalho dos missionários batistas no local, que durante a madrugada usou um ônibus para tentar salvar algumas vidas, uma missão difícil de levar os usuários para a recuperação.
Durante aquela noite, apenas um homem aceitou ajuda, e agora, cerca de 10 semanas após ser acolhido, ele trabalhar para retirar das ruas quem vive um pesadelo que até outro dia, era dele. Cerca de 400 pessoas passaram pelo tratamento após a operação da polícia nas ruas do centro de São Paulo, dentre eles, 60 voltaram as ruas.


O ator George Clooney fala da importância do trabalho cristão na crise humanitária no Sudão


O ator George Clooney fala da importância do trabalho cristão na crise humanitária no Sudão
O ator George Clooney, que atuou na série “Onze Homens e um Segredo”, e que foi indicado ao Oscar de melhor ator este ano, está usando sua fama para denunciar recentes abusos de direitos humanos no Sudão, no continente africano.
Clooney voltou de uma viagem ao Sudão esta semana para documentar os casos de ataques com bombas, aldeias incendiadas e os assassinatos étnicos, incluindo uma população cristã, contra as pessoas que vivem perto da fronteira do Sul do Sudão.
Ele ressalta a importância do trabalho de grupos humanitários cristãos na prestação de cura e alívio das crises no país.
O ator está incentivando os legisladores no Capitólio (Centro Legislativo dos Estados Unidos) a aumentar a pressão sobre o norte, predominantemente muçulmano, para acabar com o que ele chama de ”crimes de guerra”.
Em uma entrevista à CBN News, Clooney disse que os ministérios cristãos desempenham um papel fundamental em ajudar aqueles que sofrem.
“Eles lideram o trabalho um monte de vezes aqui”, disse o ator. ”Quando estávamos em Darfur, muitas pessoas de fé trabalhavam muito duro para isso”.
“Então, de certa forma eu estou tentando honrar de qualquer  forma que eu posso no trabalho duro que eles fazem, porque eu sou um grande fã de todo o trabalho que está sendo feito”, acrescentou. ”E as pessoas realmente colocacam seus corações e almas nele”.
Clooney vai reunir-se quinta-feira com o presidente Obama e a secretária de Estado Hillary Clinton para discutir a atual crise humanitária no Sudão.
Fonte: Gospel+

Vencendo a sequidão, Vencendo as dificuldades !!!


Ezequiel 37.1-14
Engraçado, estava pra finalizar um post, a respeito da passagem de 2 Crônicas 20, porém tive que parar e partir para esta. DEUS sabe todas as coisas!!! Vamos lá...
1. INTRODUÇÃO
A visão de Ezequiel 37.1-14 se aplica alegoricamente à história de Israel, mas aqui a aplicaremos a nós e a nossa igreja (v. 11a).
Trata-se de uma imagem fantástica. O profeta se encontrava diante de um panorama de desolação: um antigo vale agora cheio de esqueletos, formados no deserto por um longo tempo. Neste cemitério, os corpos perderam suas peles e suas carnes. Eram agora apenas ossos, ossos secos.
Ezequiel não fala sobre os ossos secos; Ezequiel fala aos ossos secos. Nós podemos viver de tal forma que nossas vidas se tornem secas, vazias, mortas. É possível que aqui hoje haja pessoas assim.
O povo estava no exílio. Não adiantava os profetas garantirem que um dia voltaria para Jerusalém, onde poderia cultuar a Deus em liberdade. O povo não agüentava mais esperar. Palavras não bastavam mais. Não faltavam profetas, alguns com mensagens alentadoras, mas falsas.
O povo olhava para sua história e se via separado de Deus e disperso por várias nações. Não via como voltar a ser o povo querido de Deus. 

segunda-feira, 19 de março de 2012

Frente Evangélica reage a ataques de José Dirceu


Ex-ministro da Casa Civil fez em seu blog declarações lamentáveis e ilegítimas confrontando os evangélicos

 

José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil e um dos líderes do partido do Governo, inelegível até 2014 por corrupção no escândalo do mensalão, fez em seu blog declarações lamentáveis confrontando os evangélicospor se oporem ao “kit gay” nas escolas e à legalização do aborto.

Leia abaixo as declarações, publicadas na quinta-feira (1º de março) no blog ‘Zé Dirceu’ com o título “O desserviço que o preconceito impõe à democracia”:

terça-feira, 13 de março de 2012

Pessoas Más, Tempos Maus



Saiba disto: nos últimos dias sobrevirão tempos terríveis. Os homens serão egoístas, avarentos, presunçosos, arrogantes, blasfemos, desobedientes aos pais, ingratos, ímpios, sem amor pela família, irreconciliáveis, caluniadores, sem domínio próprio, cruéis, inimigos do bem, traidores, precipitados, soberbos, mais amantes dos prazeres do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando o seu poder. Afaste-se desses também.
São esses os que se introduzem pelas casas e conquistam mulheres instáveis sobrecarregadas de pecados, as quais se deixam levar por toda espécie de desejos. Elas estão sempre aprendendo, e jamais conseguem chegar ao conhecimento da verdade. Como Janes e Jambres se opuseram a Moisés, esses também resistem à verdade. A mente deles é depravada; são reprovados na fé. Não irão longe, porém; como no caso daqueles, a sua insensatez se tornará evidente a todos. (2 Timóteo 3.1-9)


O tipo de pessoas sobre quem Paulo está falando são não cristãos. Ele diz que eles não são amantes de Deus, que se opõem à verdade, e até onde diz respeito a fé cristã, eles são rejeitados. Os vícios que ele lista nos versículos 2-4 são características não cristãs. Desde que comecei a ler a Bíblia quando criança, e muito antes de me deparar com o termo “depravação total”, sempre me foi claro que o Cristianismo descreve os incrédulos nos termos mais depreciativos.

segunda-feira, 12 de março de 2012

Não me calarei - Aline Barros



Eu sei porque eu vivo
Eu sei pra quem eu canto
Ninguém jamais vai me enganar
Eu sei quem sou em Cristo
Ouvi a voz do mestre
Eu vou anunciar a salvação
Eu não vou parar meus pés
Eu não vou calar minha voz
Continuo a cantar
Não me calarei
Subirei o monte
Descerei ao vale
E o meu Deus me guiará
Vou saltar muralhas e vencer gigantes
Eu não quero mais parar
Mesmo no deserto eu não tenho medo
Pois eu sei a quem clamar
Eu não vou parar meus pés
Eu não vou calar minha voz
Eu vou obedecer a voz do meu Senhor
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...